Motoristas encontraram dificuldades para trafegar na manhã desta sexta-feira (30) na Avenida Litorânea após a terra deslizar de uma barreira e interromper o fluxo do trânsito.

A chuva forte que ocorreu na noite de quinta-feira (29) e continuou até o início da manhã desta sexta-feira (30) já causou estragos em São Luís e nos municípios que fazem parte da Região Metropolitana.

Na Avenida Litorânea a terra deslizou de uma barreira e interrompeu o fluxo do trânsito na via. Por conta do problema, motoristas foram obrigados a desrespeitar as leis de trânsito e trafegaram por cima do meio-fio da Avenida e usar a contra-mão para evitar o engarrafamento na região.

Em Paço do Lumiar, na Região Metropolitana da capital, postes caíram na Rua Raimundo Ferreira, no bairro Maioba, e o risco de choque é grande no espaço, pois as fiações dos postes ficaram completamente expostas. Além disto, a situação está impedindo a passagem dos veículos e também dos pedestres.

Postes caíram na rua Raimundo Ferreira, no bairro Maioba — Foto: Ana Marília

Já no bairro Planalto Vinhais 2, na capital, um motorista ficou com parte do seu veículo preso após cair em uma cratera que estava tomada pela lama ocasionada pela chuva.

Veículo cai em cratera no bairro Planalto Vinhais 2 em São Luís — Foto: Douglas Pinto

Em um condomínio situado na Rua do Aririzal, em São Luís, parte da parede lateral não suportou a força da água da chuva e desabou. O acidente causou prejuízos aos moradores do local.

Parte de parede de condomínio desaba em São Luís — Foto: Eveline Cunha

Por/G1ma