Presidente do UFC diz que peso-pena estreante da família Gracie “venceu um lutador de verdade” e que peso-meio-médio brasiliense perderia luta se não nocauteasse.

Vencedores no UFC Phoenix, os brasileiros Vicente Luque e Kron Gracie deixaram boas impressões no presidente do Ultimate, Dana White. O dirigente disse palavras elogiosas sobre os dois lutadores numa entrevista nos bastidores do evento de domingo, no canal oficial da companhia no YouTube. Ele ficou especialmente marcado pelo desempenho de Kron, que finalizou o veterano Alex Caceres em menos de três minutos, tudo isso em sua primeira apresentação dentro do octógono do UFC após apenas quatro lutas profissionais de MMA.

Dana Frederick White Jr. Presidente do UFC

– Muito impressionado. Alex é um cara muito duro, muito liso no chão, boa trocação, e muito durável. Ele é um garoto duro. Não me importa quem você é, de que família você veio, onde você lutou ou quantas pessoas o assistiram; quando você luta pela primeira vez no UFC, todo mundo tem isso, fica nervoso, algumas pessoas não performam como fizeram em outros lugares. Aquele garoto performou, ele pareceu incrível e ele venceu um lutador de verdade. Fiquei muito impressionado com ele – declarou White.

O dirigente também teve palavras elogiosas para descrever a luta entre Vicente Luque e Bryan Barberena, vencida pelo brasileiro com um nocaute a seis segundos do fim do tempo regulamentar.

– Teve uma ovação de pé ao fim de todos os rounds. Quando dois caras vão lá e se entregam desta forma, eles obviamente ganharam o bônus de Luta da Noite, eles merecem. Foi uma luta muito, muito divertida e interessante de se ver. E o que é louco é que Bryan ia vencer se fosse para os cartões de pontuação. Não lembro que hora foi, mas estava quase terminando quando ele foi finalizado – disse o presidente.

Por Combate.com — Phoenix, EUA